Os 9 melhores alimentos para combater a depressão

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

depressãoA depressão é uma doença que qualquer pessoa pode ter. As consequências são uma tristeza profunda, uma baixa do estado anímico, baixa auto-estima, perda de interesse pela vida e pelas relações pessoais e sociais. Esta doença é essencialmente produto de factores genéticos, mas as causas também podem ser devidas ao contexto social e à vida emocional da pessoa.

Em relação à depressão já se fizeram muitos estudos para tentar encontrar diferentes tratamentos que ajudem quem está nesta situação. Entre os estudos realizados, determinou-se que há certos alimentos que ajudam a combater a depressão e ansiedade e que obtiveram excelentes reacções nas pessoas com depressão.

Hoje vamos partilhar alguns dos alimentos antidepressivos que podem ser consumidos por que está a passar por este problema.

 

Mel

O mel estimula a produção de serotonina, um neurotransmissor responsável pela sensação de prazer e bem-estar. Para usufruir dos seus benefícios, será suficiente tomar duas colheres de sobremesa por dia.

 

O peixe azul

Peixes como o salmão, as sardinhas, o atum e as anchovas, têm grandes quantidades de ácidos gordos ómega-3. Estes ácidos são muito conhecidos pelas suas propriedades e benefícios no combater às cardiopatias ao reduzir os níveis de triglicéridos e evitando que se formem coágulos no sangue. Adicionalmente a isto também já se demonstrou que este tipo de alimentos ajuda a combater a depressão e o stress, pelo que são muito recomendados para quem tem depressão.

 

Beterraba

A beterraba que é utilizada para obter açúcar, é um alimento rico numa substancia chamada uridina. A uridina aumenta os níveis de citidina no cérebro, os quais se crê afectarem a dopamina, que por sua vez regula o humor.

 

Soja

O consumo de soja tem-se expandido graças a diferentes investigações que mostraram ser um alimento rico em propriedades alimentares e benéficas para a saúde. Desta proteína vegetal derivam muitos produtos que permitem ao consumidor aproveitar os seus benefícios e usufruir dela sem problemas. Esses produtos costumam ser ricos em aminoácidos, os quais são baixos em gorduras saturadas e não contêm colesterol.

A soja contém ácidos gordos ómega-3 que para além de ter benefícios para a saúde cardíaca, são ainda ideais para combater a depressão.

 

Nozes

As nozes são uma boa fonte de ácido alfa-linolénico, um dos componentes do ómega-3. Recomenda-se mastigar nozes para lutar contra a depressão. As suas propriedades são benéficas para este problema e também para proteger o coração.

 

Arroz integral

O arroz integral é caracterizado por ter vitaminas B1 e B3. Também contém ácido fólico e é um alimento com um índice glicémico baixo. Por ser baixo em açúcar, este arroz impede os níveis baixos de açúcar no sangue e com isso as alterações repentinas de humor.

 

Levedura de cerveja

Este alimento é rico em vitaminas B1, B2 e B3. Contém ainda 16 aminoácidos que são muito benéficos para o fortalecimento do sistema nervoso.

 

A aveia

Este alimento contém ácido fólico e vitaminas B1 e B6. Isto ajuda o sistema digestivo e vai evitar níveis baixos de açúcar no sangue que podem produzir alterações de humor fortes e irritabilidade.

 

Couves

Um estudo da Associação Norte-americana de Investigação sobre o cancro garante que este alimento é rico em vitamina C e ácido fólico, dois ingredientes que ajudam a prevenir o stress, diferentes doenças coronárias e também vários tipos de cancro.

loading...

Um comentário

  1. MARIA APARECIDA

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...