Acne na Testa

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

A acne na testa é um problema para muitas pessoas. Acne e cravos podem aparecer em qualquer lugar do rosto ou no corpo, mas uma área do rosto mais específica e conhecida por quem tem pele oleosa é a zona T, que é formada pela testa, nariz e queixo. Que é a parte do rosto onde a oleosidade é produzida em maior quantidade normalmente, logo, é comum que cravos ou espinhas apareçam na testa.

 

Causas da acne na testa

Espinhas nessa região também podem ser causadas devido à caspa no cabelo, ou cabelo oleoso, mudanças hormonais e até mesmo ciclo menstrual. Uso de cosméticos em excesso podem, por sua vez, entupir os poros e causar cravos e espinhas na região. A maior preocupação das pessoas com as espinhas na testa é porque elas deixam a aparência do rosto pouco atraente.

 

Como evitar a acne na testa?

Limpeza com vapor: O vapor, é a maneira mais eficiente de abrir os poros, para fazer em casa, use uma tigela bem grande com água quente para isso logo após, esfolie o rosto e termine com um adstringente para fechar os poros, ou jogue água gelada que os poros se fecham rapidamente.

Lave muito bem os cabelos! : Cabelos limpos não ficam oleosos ou acumulam caspa, com isso se você tiver o corte de cabelo com franja principalmente, lave com um bom shampoo anti caspa ou oleosidade. Evite deixar os cabelos sujos, se tiver franja, prenda para que não entre em contato com a testa produzindo óleo.

Suco de limão: Bem famoso por tratar espinhas na testa com eficiência, esprema o suco de limão e aplique na testa com algodão. Ele limpa as cicatrizes de acne, mas cuidado: faça no período da noite e lave bem com sabonete específico para a sua pele no período da manhã, nunca exponha sua pele com limão ao sol!Porque pode causar queimaduras!

Mas lembre-se nenhum tratamento para espinhas na testa pode ser sazonal e sim regular com bastante disciplina! Se o problema persistir ou até mesmo aumentar, procure um dermatologista porque ele saberá se o seu caso necessita de remédios via oral ou aplicações tópicas diretamente na pele. Mas saiba também que manter a pele limpa reduz o aparecimento dos problemas. Cuide-se bem!

Deixe o seu comentário


Este artigo foi útil?

Então subscreva a nossa newsletter para receber novos artigos comodamente no seu email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os seus dados estão seguros connosco. Veja a nossa Política de Privacidade.

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close