Tratamento para rugas

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

tratamento para rugasSe as suas rugas o/a incomodam, existem diversas opções para eliminar ou, pelo menos, reduzir a aparência das mesmas. O tratamento para rugas inclui:

Medicamentos de tratamento para rugas

Retinóides Tópicos

Derivados da vitamina A, os retinóides que você aplica na sua pele podem ser capazes de reduzir as rugas finas, a aspereza da pele e a pigmentação manchada. Os retinóides devem ser usados no âmbito de um programa diário de cuidados para a pele, que inclua a aplicação de protetores solares, bem como o uso de roupas protectoras, pois a medicação pode fazer com que a sua pele fique mais susceptível a queimaduras. Existem ainda outros efeitos secundários, pelo que deve ser evitada a exposição ao sol. A tretinoína e o tazaroteno são exemplos de retinóides tópicos.

Cremes para Rugas sem Receita Médica

A eficácia de cremes anti-rugas depende em parte do ingrediente ativo ou ingredientes.  Retinol, ácidos alfa hidroxi, cinetina, coenzima Q10, peptídeos de cobre e antioxidantes podem resultar em ligeiras melhorias nas rugas. Contudo, cremes anti-rugas que não implicam receita médica têm concentrações de ingredientes activos mais baixa do que os cremes prescritos somente por receita médica. Deste modo, os resultados são limitados e, geralmente, duram pouco tempo.

Procedimentos cirúrgicos e outras técnicas

Existem várias técnicas utilizadas para suavizar as rugas, sendo que cada uma opera de forma diferente e tem resultados e efeitos secundários também distintos. Alguns estudos indicam que os melhores resultados podem ser provenientes de uma conjugação de métodos de tratamento.

  • Dermoabrasão – Este procedimento consiste em “lixar” a camada superficial da sua pele através de uma escova rotativa. A pele superficial é substituida por uma nova camada de pele. Pode levar vários meses até o paciente ver os resultados desejados.
  • Microdermoabrasão – Esta técnica é similar à dermoabrasão, mas implica a remoção de menos pele da superfície. O procedimento é feito com recurso à sucção por vácuo sob a sua face, enquanto os cristais de óxido de alumínio limpam a sua pele. Apenas é removido uma camada fina de pele. Você pode notar uma ligeira vermelhidão nas áreas tratadas. A microdermoabrasão, geralmente, necessita de vários tratamentos repetidos, para manter os subtis e temporários resultados.
  • Tratamentos a Laser, com fontes de luz e radiofrequência – Estas terapias são também muito utilizadas no tratamento para rugas. Alguns tratamentos a laser utilizam um feixe que destrói a camada exterior da pele (epiderme) e aquece a pele subjacente (derme), o que estimula o crescimento de novas fibras de colágeno. À medida que a ferida melhora, forma-se nova pele que é mais suave e firme. A recuperação pode levar vários meses, contudo os novos tratamentos a laser permitem reduzir substancialmente o tempo de recuperação. Existem também tratamentos a laser que são menos intensos e que não causam danos na epiderme. Estes tratamentos aquecem a derme e causam a formação de novo colágeno e elastina. Após vários tratamentos, a pele fica mais firme. Os resultados são subtis e os tratamentos precisam de ser repetidos mais vezes. Existem também um dispositivo que utiliza a radiofrequência em vez da luz, para aquecer a derme e tecidos subjacentes. Este método permite obter também uma pele mais firme.
  • Peeling químico – Com este método, o seu médico aplica ácido nas áreas afectadas, o que queima a camada exterior da sua pele. Com peelings de média profundidade, remove-se a epiderme, bem como uma pequena porção da derme. Em seu lugar, forma-se nova pele, a qual é mais suave e menos enrugada que a pele anterior. A vermelhidão dura algumas semanas. Com peelings superficiais, apenas uma pequena porção da epiderme é removida. Após uma série de peelings, você pode começar a notar menos rugas finas, bem como um desvanecimento de manchas castanhas.
  • Botox – Quando injectado em pequenas doses, em músculos específicos, o Botox bloqueia os sinais químicos que fazem os músculos contrair. Os resultados normalmente duram cerca de três a quatro meses, pelo que é necessário repetir as injecções, para manter os resultados.
  • Preenchimento de rugas – Pode ser injectado algumas substâncias para preenchimento das rugas profundas, o que inclui gordura ou colágeno, conferindo mais volume à sua pele. Com este método, você pode experienciar inchaço temporário e vermelhidão nas áreas tratadas. O procedimento necessita de ser repetido após alguns meses.
  • Lift facial – Este procedimento envolve a remoção do excesso de pele e gordura da parte inferior da face e pescoço. Além disso, permite também conferir mais firmeza aos músculos subjacentes e tecidos. Os resultados normalmente duram cerca de 10 anos e os tempos de recuperação podem ser morosos. Inchaço e outros sintomas são também evidentes durante algumas semanas, após a cirurgia.

Tenha em linha de conta que os resultados variam e dependem da localização das rugas e da profundidade das mesmas. Contudo, nada pára o processo de envelhecimento da pele, pelo que necessitará de tratamentos repetidos, para manter os benefícios associados aos tratamentos. Estes procedimentos não são normalmente cobertos pelo seguro. Além disso, qualquer um destes procedimentos pode ter efeitos secundários, pelo que você deve falar com o seu médico e certifique-se que o seu dermatologista ou cirurgião plástico tem a formação e experiência necessária para efectuar o tratamento pretendido.

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este artigo foi útil?

Então subscreva a nossa newsletter para receber novos artigos comodamente no seu email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os seus dados estão seguros connosco. Veja a nossa Política de Privacidade.