Rica Saude

Toracocentese

Toracocentese é um exame realizado pelo médico para drenar líquidos da cavidade pleural, realizar biópsia ou aliviar os sintomas desencadeados pelo excesso desses líquidos.
Os pulmões e a parede torácica estão revestidos por uma membrana fina e transparente, a pleura. Entre eles existe uma quantidade pequena de líquido que permite que deslizem uma na outra durante a respiração. Durante a expiração a pressão na cavidade pleural fica negativa impedindo o colapso dos pulmões.
Se houver acumulação em excesso de líquido, sangue ou ar entre as pleuras, vai aumentar o espaço e impedir a expansão normal do pulmão durante a respiração. Esta situação designa-se de derrame pleural e pode ter várias causas.
Nesta altura o médico pode realizar a toracocentese para drenar o líquido em excesso.
Como é feito o exame
Este exame não necessita de preparação. O médico ou enfermeiro deve ser informado sobre doenças, alergias ou medicação.
O exame é feito após a realização de um Rx, para o médico visualizar a zona onde há acumulação de líquidos, onde deve colocar a agulha e observar os pulmões.
A toracocentese é feita com o doente sentado, se tolerar a posição, ligeiramente inclinado para a frente e com os braços apoiados numa mesa ou cama.
A zona onde vai ser feito o exame é desinfectada, depois é administrado anestesia nos tecidos e de seguida introduzida a agulha de toracocentese, entre as costelas, até à cavidade pleural.
Se o objectivo da toracocentese é a drenagem do líquido, o médico colhe líquido para análise e coloca através da agulha um cateter maleável e deixa drenar o restante. Para biópsia, a agulha usada é específica para colher tecido da pleura.
No final é colocado um penso no local da inserção da agulha. Pode ser necessário administrar medicamentos para as dores após passar o efeito da anestesia. O doente vai para casa após o exame.
Durante o exame não se deve tossir nem fazer movimentos repentinos para evitar lesões no pulmão.
Depois do exame, o médico pode pedir novo Rx para avaliar a eficácia da toracocentese.  Pode ser necessário TAC ou ressonância magnética para confirmar diagnósticos.
Referencias:
Manual de Enfermagem: Exames Laboratoriais e Diagnósticos – Editora – Editora Nova Guanabara
Exit mobile version