andropausa

Sintomas da andropausa

andropausaEmbora a menopausa seja própria do sexo feminino, os médicos endocrinologistas conseguiram detectar uma diminuição da actividade hormonal nos homens de meia-idade, parecida com a que acontece às mulheres durante a menopausa. Ainda não se conhece com exactidão qual a razão pela qual a produção de testosterona é menor nesta etapa da vida.

Trata-se de um processo lento e gradual que começa por volta dos quarenta anos e que se prolonga pelo resto da vida. Para além disso, acontece ainda uma descida nos valores da pressão arterial que podem conduzir a algum tipo de disfunção sexual. Outra consequência da menor produção de testosterona é uma possível mudança no tecido muscular, assim como um aumento da gordura abdominal.

Em relação aos sintomas da chamada andropausa, esta traduz-se numa diminuição da produção de esperma e uma leve redução do tamanho dos testículos. A glândula prostática que costuma acumular o excesso de tecido conjuntivo, provoca alterações na micção e na ejaculação, com repercussões na potência do mecanismo ejaculador. Por outro lado, a erecção do pénis torna-se mais difícil, o que requer uma maior estimulação para obter o mesmo resultado. No entanto, convém dizer que, apesar desta diminuição estar ligada à idade, apenas uma parte dos homens apresenta estes sintomas.

Actualmente ainda está em estudo qual o papel desempenhado pela testosterona no declínio sexual masculino e na idoneidade de utilizar tratamentos hormonais. Até ao momento, não foram identificados quais são os factores que influenciam a descida da produção desta hormona, pelo que não se pode prevenir esta situação. A tudo isto, há que acrescentar o facto de que não existe consenso, entre os especialistas, sobre este problema. Por isso, uma aplicação de suplementos de testosterona estaria indicada no caso de os sintomas serem variados e os níveis de testosterona estarem muito abaixo dos valores considerados normais.

2 Comentários

  1. MARYÁH DA PENHÃ DA SYLVA
    Janeiro 9, 2013

Escrever um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este artigo foi útil?

Então subscreva a nossa newsletter para receber novos artigos comodamente no seu email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os seus dados estão seguros connosco. Veja a nossa Política de Privacidade.