Sintomas da andropausa

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

andropausaEmbora a menopausa seja própria do sexo feminino, os médicos endocrinologistas conseguiram detectar uma diminuição da actividade hormonal nos homens de meia-idade, parecida com a que acontece às mulheres durante a menopausa. Ainda não se conhece com exactidão qual a razão pela qual a produção de testosterona é menor nesta etapa da vida.

Trata-se de um processo lento e gradual que começa por volta dos quarenta anos e que se prolonga pelo resto da vida. Para além disso, acontece ainda uma descida nos valores da pressão arterial que podem conduzir a algum tipo de disfunção sexual. Outra consequência da menor produção de testosterona é uma possível mudança no tecido muscular, assim como um aumento da gordura abdominal.

Em relação aos sintomas da chamada andropausa, esta traduz-se numa diminuição da produção de esperma e uma leve redução do tamanho dos testículos. A glândula prostática que costuma acumular o excesso de tecido conjuntivo, provoca alterações na micção e na ejaculação, com repercussões na potência do mecanismo ejaculador. Por outro lado, a erecção do pénis torna-se mais difícil, o que requer uma maior estimulação para obter o mesmo resultado. No entanto, convém dizer que, apesar desta diminuição estar ligada à idade, apenas uma parte dos homens apresenta estes sintomas.

Actualmente ainda está em estudo qual o papel desempenhado pela testosterona no declínio sexual masculino e na idoneidade de utilizar tratamentos hormonais. Até ao momento, não foram identificados quais são os factores que influenciam a descida da produção desta hormona, pelo que não se pode prevenir esta situação. A tudo isto, há que acrescentar o facto de que não existe consenso, entre os especialistas, sobre este problema. Por isso, uma aplicação de suplementos de testosterona estaria indicada no caso de os sintomas serem variados e os níveis de testosterona estarem muito abaixo dos valores considerados normais.

2 Comentários

  1. MARYÁH DA PENHÃ DA SYLVA

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close