Quanto tempo dura a gripe?

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

Quanto tempo dura a gripeJá todos tivemos gripe alguma vez na vida. E até certamente que a maioria de nós já se apercebeu que há gripes que se curam mais rápido e outras que nos conseguem causar tanto mal-estar que nos mandam para a cama durante vários dias. E porquê? Porque há muitos factores envolvidos na duração e na intensidade da gripe, tais como o estado do sistema imunitário ou a idade de cada pessoa. Se está actualmente contaminado com esta doença viral e não vê a hora de se desfazer de todos os sintomas da gripe, então convidamo-lo a ler este artigo para que saiba quanto tempo dura a gripe e se ainda falta muito para se sentir bem.

 

Quanto tempo dura a gripe

Para compreender quanto tempo dura a gripe, é importante entender que nem todas as gripes são iguais e que a sua intensidade e duração dependem destes factores:

  • Da estirpe do vírus da gripe que a causou
  • Das condições de saúde da pessoa
  • Da idade
  • Do estado do sistema imunitário no momento do contágio.

De uma forma geral, a gripe costuma durar entre 7 e 10 dias desde o aparecimento dos primeiros sintomas até que a pessoa recupere por completo. No entanto, há sempre excepções ou pessoas que são mais afectadas do que outras neste quadro viral. Por exemplo, os adultos jovens, que gozam de um sistema imunitário mais forte, costumam curar mais rapidamente a gripe, ao passo que as pessoas idosas podem ver comprometida seriamente a sua saúde por esta doença viral.

Em conclusão, o tempo que dura a gripe depende muito das condições de cada pessoa e do seu historial médico.

Poucas pessoas sabem que não existem medicamentos para encurtar o tempo de duração da gripe. Todos os remédios que consumimos quando somos afectados por esta doença trabalham no organismo para melhorar os sintomas da gripe e para fortalecer o sistema imunitário para este conseguir combater o vírus de forma mais eficaz.

Portanto, uma vez feito o contágio não há forma de travar o desenvolvimento da doença. O melhor é tomar todas as medidas necessárias para minimizar as consequências da gripe no nosso organismo.

gripe

Como aliviar os sintomas da gripe

Dado que esta doença viral consegue incapacitar-nos muitas vezes por tempo indeterminado, será boa ideia saber como aliviar os sintomas da gripe para nos sentirmos melhor enquanto tentamos recuperar por completo.

A congestão nasal, a tosse e a debilidade corporal podem ser muito incómodas, pelo que de seguida apresentamos alguns conselhos para minimizar o mal-estar:

 

Descanse muito (ou nem tanto)

O descanso é necessário para uma boa recuperação. No entanto, há quem tenha gripe e não queira sair da cama e outros que nem sequer querem ir à cama. É importante ter consciência que o nosso corpo está fraco e que merece repousar para lutar contra o vírus correctamente.

No entanto, é preciso não exagerar, ficar na cama o dia inteiro sem fazer nada, nem mexer-se apenas vai piorar o mal-estar.

 

A hidratação é fundamental

Quanto mais água e líquidos ingerir, mais fácil o organismo se vai desintoxicar do vírus que o afecta. A hidratação promove a expulsão de toxinas através da urina e ajuda o sistema imunitário a não trabalhar de forma forçada.

 

Consuma vitamina C

É a melhor vitamina para combater os sintomas da gripe porque tem um efeito antioxidante no organismo que aumenta as defesas e permite que o sistema imunitário trabalhe de forma mais eficiente.

Pode encontrar vitamina C nos kiwis, nos limões, nas laranjas, nas toranjas e nos pimentos vermelhos.

 

Canja

Dizem que quando a gripe ataca, a canja defende-nos. Não é mentira e as nossas avós tinham razão. A canja combate os resfriados e ajuda o corpo a controlar a actividade dos neutrófilos, os quais aumentam a sua quantidade no sangue quando o organismo contrai alguma infecção.

Para além disso, a temperatura quente da canja ajuda a aliviar o mal-estar de irritação na garganta e tem um efeito descongestionante no nariz.

 

Trate a tosse

Um dos sintomas mais incómodos da gripe é a tosse que piora à noite e interrompe o nosso descanso. Para além de tomar um xarope para a tosse, convidamo-lo a conhecer alguns remédios caseiros para ajudar a expulsar a expectoração das vias respiratórias e a aliviar a tosse.

Como prevenir a gripe

Como prevenir a gripe

A gripe é uma doença altamente contagiosa que nos infecta quando inalamos gotas provenientes dos espirros ou a saliva de uma pessoa contaminada com algum dos vírus influenza. Os sintomas costumam aparecer no dia seguinte ao contágio e uma vez presentes pouco podemos fazer para o evitar. No entanto, a gripe pode ser prevenida. Vamos ver como proceder de seguida:

  • Tenha uma dieta equilibrada rica em frutas e vegetais para obter todas as vitaminas e nutrientes necessários para manter o seu sistema imunitário saudável.
  • Os alimentos ricos em antioxidantes como os frutos vermelhos ajudam a aumentar as defesas do corpo para que seja mais fácil lutar contra vírus e bactérias.
  • Existe o que conhecemos como gripe sazonal, a qual é mais frequente no período do inverno e do outono. Para se prevenir da gripe nestas épocas deve agasalhar-se bem.
  • Não partilhe os seus objectos de uso pessoal com ninguém.
  • Mantenha as mãos sempre limpas e leve consigo um sabão antibacteriano.
  • Evite os lugares muito congestionados com pessoas durante o outono e inverno.
  • A vacina contra a gripe é uma excelente opção para idosos, crianças, grávidas, pessoas com o sistema imunitário enfraquecido e pessoal do sistema de saúde.

 

Este artigo é meramente informativo. Não temos competência para receitar tratamentos médicos ou fazer qualquer tipo de diagnóstico. Convidamo-lo a recorrer a um médico no caso de ter qualquer problema de saúde ou mal-estar.

Deixe o seu comentário


Este artigo foi útil?

Então subscreva a nossa newsletter para receber novos artigos comodamente no seu email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os seus dados estão seguros connosco. Veja a nossa Política de Privacidade.

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close