Propriedades da canela

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

propriedades da canelaTodos sabemos que a canela é bastante usada na cozinha para dar sabor a vários pratos. O que nem todos sabem é que também tem muitas propriedades medicinais, como a redução dos triglicéridos e do colesterol.

A canela é a especiaria obtida da parte interna da casca do tronco da caneleira. É muito utilizada na culinária como condimento e aromatizante e na preparação de certos tipos de chocolate e licores. Na medicina, empregada como os óleos destilados, é conhecida por ‘curar’ resfriados. O sabor e aroma intensos vêm do aldeído cinâmico ou cinamaldeído. Tem origem no sul da India e do Sri Lanka, embora actualmente se cultive em muitos lugares quentes do mundo.

Trata-se de uma erva energizante que melhora a digestão, acalma as náuseas, os vómitos e as diarreias, estimula a circulação e combate a fraqueza. As propriedades antivirais do óleo essencial de canela ajudam a baixar a febre e a melhorar a circulação sanguínea. É muito utilizada como anti-séptico e na prevenção de problemas cardíacos.

O óleo utiliza-se no fabrico de xaropes, sobretudo nos que são indicados contra a bronquite, os resfriados e a tosse, graças ao seu poder antibacteriano, expectorante e anti-inflamatório. É muito boa no combate às doenças respiratórias.

A canela também é boa no combate à aerofagia, falta de apetite, contra os vómitos, mau hálito e acidez estomacal, infecções vaginais e outras doenças. Por outro lado, também é boa para emagrecer, uma vez que impede que o excesso de hidratos de carbono se transforme em ácidos gordos.

Para além disso, serve ainda para o tratamento de infecções fúngicas nos pés e nas unhas, para as ulceras na boca e para eliminar o mau hálito.

Por último, há que ter algumas cautelas quando tomar canela, já que em excesso pode ser tóxica. Também é importantíssimo que não ingira o óleo essencial de canela, a não ser que seja prescrito e seguido por um profissional de saúde.

Um comentário

  1. marcos mendes

Deixe o seu comentário


Este artigo foi útil?

Então subscreva a nossa newsletter para receber novos artigos comodamente no seu email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os seus dados estão seguros connosco. Veja a nossa Política de Privacidade.

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close