Perder peso é prejudicial

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

perder pesoUm dos grandes objectivos de muitos é perder peso. As razões são muitas, desde questões puramente estéticas até questões de saúde, como o risco de colesterol alto, pressão arterial elevada, diabetes, doenças cardíacas e até certos tipos de cancro. A obesidade é por isso para além de uma questão estética também uma questão de saúde e por isso os médicos estão atentos a este problema.

Na maioria dos casos, especialmente se a dieta for realizada com acompanhamento profissional de um médico ou de um dietista, esta irá decorrer de forma gradual, sem ocorrência de complicações. No entanto, perder peso de forma rápida, com dietas muito baixas em calorias e com grandes privações alimentares, pode ter efeitos adversos na nossa saúde.

 

Pedras na vesícula        

As pedras na vesícula são um problema que está associado à obesidade, mas o que muitas pessoas não sabem é que também está associado ao facto de se perder peso muito depressa recorrendo a dietas que consistem na ingestão de poucas calorias. Estas dietas, também muito conhecidas como as dietas dos pontos, consistem em ingerir por vezes menos de 800 calorias diárias, e costuma de facto ter alguns efeitos. É possível perder entre 1.5 e 2.5 quilos semanalmente, e esta diminuição muito rápida de peso pode fazer com que a vesícula biliar perca a habilidade de produzir bílis, o que por sua vez pode originar a formação de pedras na vesícula. Uma dieta mais lenta evita totalmente este problema.

 

Má nutrição

As dietas que se focam de forma muito extrema apenas num grupo de alimentos ou num tipo de nutrientes também ajudam a perder peso, mas de forma prejudicial, pois resultam por vezes em má nutrição.

Por exemplo, uma dieta pobre em carboidratos vai reduzir a sua ingestão de fibras solúveis, vitamina C, antioxidantes e muitas outras vitaminas disponíveis em frutas e vegetais. A malnutrição pode resultar num aumento da susceptibilidade a infecções, bem como enfraquecer os ossos até criar problemas psicológicos. Estes efeitos podem ser evitados aderindo a uma dieta que contenha uma grande variedade de alimentos que devem ser consumidos com moderação em vez de evitar de forma muito estrita um ou mais grupos de alimentos.

 

Desordens psicológicas

Pessoas que perdem peso de forma muito rápida, mesmo que seja visível que a sua dieta esteja a causa problemas de saúde, podem estar a sofrer de desordens alimentares e podem necessitar de apoio psicológico. Lembre-se que nem todas as dietas são saudáveis se forem levadas a extremos.

 

Como evitar problemas com a sua dieta?

Estes efeitos negativos de perder peso rapidamente podem ser evitados de forma eficaz se aderirmos a uma dieta moderada e equilibrada, com enfase nos cereais integrais, frutas, vegetais, produtos lácteos magros e carnes brancas. Consumir estes alimentos de forma moderada é a forma ideal de perder peso gradualmente e sem colocar em causa a sua saúde. Se estiver com dificuldades em perder peso ou se notar problemas de saúde enquanto estiver sob dieta, deve consultar um médico ou um nutricionista.

loading...

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...