Oleo de Rosa Mosqueta para tratar as marcas na pele

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

Oleo de Rosa MosquetaParece que o óleo de Rosa Mosqueta é o tal produto milagroso e a solução para muitos dos problemas de pele de que muitas pessoas sofrem. Os dermatologistas recomendam o seu uso para diminuir as cicatrizes e possíveis quelóides que se formam após qualquer tipo de operação. O seu potente poder regenerador e restaurador da pele faz com que seja um produto imprescindível para fazer desaparecer ou melhorar o estado de todo o tipo de marcas.

 

A origem de uma “rosa mágica”

A Rosa Mosqueta é um arbusto repleto de flores brancas, cujas pétalas ao cair, dão lugar a um fruto de cor vermelha e cheio de sementes das quais se obtém o conhecido óleo regenerador dérmico.

Este arbusto cresce principalmente no Chile e na Argentina. Os índios da Patagónia já o utilizavam desde a antiguidade para a cicatrização da pele e para refrescar o rosto, assim como para a preparação de doces tradicionais muito populares.

 

Propriedades do oleo de Rosa Mosqueta

O óleo de Rosa Mosqueta deve a sua popularidade ao seu poder regenerador e cicatrizante da pele. Isto deve-se ao facto de ter um alto conteúdo de ácidos gordos essenciais polinsaturados que contribuem para a regeneração celular.

De entre estes ácidos gordos podemos encontrar o ácido alfa-linolênico (ómega 3), e o linoleico (ómega 6) que são essenciais para o ser humano. Também é um potente rejuvenescedor da pele, à qual dá uma grande elasticidade e hidratação, contribuindo para o desaparecimento ou atenuação de pequenas rugas gestuais.

 

Como aplicar o óleo de Rosa Mosqueta nas cicatrizes

Deve-se sempre recorrer ao oleo de Rosa Mosqueta 100% puro, pois por vezes algumas marcas que comercializam este produto costumam fazer uma mistura com óleo de sementes de uva, não sendo tão efectivo neste caso. O óleo aplica-se na cicatriz quando já estiver curada mas ainda avermelhada.

Deve ser aplicado de manhã e à noite, mas sobretudo à noite porque é quando existe uma maior regeneração celular. Ao aplicar é conveniente comprimir ligeiramente sobre a marca, para assim estimular a circulação do sangue e potenciar mais a regeneração dos tecidos. Duas vezes por dia, de forma constante será o suficiente para que o óleo regenerador faça o efeito desejado.

 

O óleo de Rosa Mosqueta é efectivo para todo o tipo de peles

O óleo de Rosa Mosqueta é muito efectivo para todo o tipo de peles. Hidrata as peles secas e castigadas, ajudando à regeneração das células e eliminando ou atenuando as rugas.

Nestes casos será suficiente aplicar umas quantas gotas puras à noite antes de se deitar, e também umas gotas misturadas na palma da mão com o seu creme hidratante habitual de manhã.

Para as peles gordas o óleo de Rosa Mosqueta também é um excelente aliado, pois elimina as marcas de acne e contribui para a unificação do tom de pele e para fazer desaparecer as zonas vermelhas.

 

Combate e melhora as estrias

As estrias são alterações das fibras elásticas da pele que aparecem devido a variações de peso e volume, ou devido a alterações hormonais. O óleo de Rosa Mosqueta é especialmente indicado para o tratamento destas alterações cutâneas, uma vez que ajuda a eliminá-las sobretudo quando estão mais vermelhas, e quando ainda existe circulação sanguínea nelas. Quando são brancas e mais antigas já é mais difícil de as eliminar totalmente, mas este óleo de rosa mosqueta irá certamente ajudar pelo menos a atenuá-las.

loading...

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...