O que é um implante dentário

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

implante dentárioPara muita gente, o termo “implante dentário” ainda faz alguma confusão e acaba por gerar controvérsia na hora de desmistificar o significado do mesmo. Um implante dentário é nada mais nada menos que uma placa (geralmente em titânio) que são posicionadas na gengiva do paciente para que o dentista possa colocar dentes substitutos no espaço em que eles não existem.

Por estarem integrados com o osso, este tipo de implantes tendem a ter um suporte mais estável e confortável para a sua boca, evitando assim constrangimento na colocação da mesma que surgem em alguns pacientes. Este tipo de intervenções proporciona ao paciente uma melhora na fala e na alimentação, dois aspectos chave na hora de ter uma vida mais equilibrada.

As convencionais dentaduras são geralmente alvo de críticas por partes dos doentes uma vez que geram desconforto na remoção e colocação das mesmas. Contudo, para receber este tipo de implantes não precisa apenas de força de vontade, uma vez que terá de ter um suporte ósseo saudável bem como todo o sistema gengival, caso contrário, este procedimento ficará sem efeito.

Este tipo de procedimento é mais caro que outros tipos de métodos de recolocação de dentes e por norma, o custo do tratamento fica a cargo do paciente, não obtendo ajudas de estado.

Na actualidade, o implante com mais sucesso é o ósseo integrado uma vez que revolucionou este tipo de tratamentos, criando assim uma viável solução para as pessoas com poucos dentes ou totalmente desdentadas.

Este tipo de implantes demora cerca de 4 a 6 meses a ser efectuado, uma vez que este é o período de adaptação do implante ao osso maxilar. Passado esse tempo, uma segunda cirurgia terá de ser feita uma vez que o dentista terá de remover a gengiva que está a cobrir o implante e só depois poderá colocar os dentes substitutos. Esta intervenção poderá ser feita de duas formas diferentes:

Prótese protocolo: em que o implante é total e fixada entre 4 a 8 implantes. Este tipo de solução é mais confortável evitando as dentaduras mas exige uma maior atenção do paciente no que toca a higienização da prótese uma vez que todos os dentes estão conectados entre si. Esta prótese pode ser feita em resina ou porcelana.

Prótese Overdenture: este tipo de prótese é mais barata quando comparada com a anterior pois exige apenas de 2 a 6 implantes. A higienização da mesma é mais fácil uma vez que é de encaixe e poderá ser facilmente retirada e recolocada as vezes que forem precisas, proporcionando assim ao paciente uma limpeza mais cuidada e facilitada. Estes tipos de implantes são feitos em resina.

Como vê, e agora que sabe mais um pouco sobre os implantes dentários, poderá voltar a sorrir e recuperar os seus dentes de forma cuidada. Consulte o seu dentista e verá que a solução está mais perto do que você imagina.

loading...

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...