É possível reiniciar o relógio biológico?

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

relogio internoAs pessoas que trabalham por turnos ou que por motivos profissionais têm de viajar regularmente e sofrem com as consequências do famoso jet lag sabem perfeitamente o que é o relógio biológico.

Por outras palavras, o relógio interno é o que marca o nosso ritmo de vida tendo em conta o momento do dia em que nos encontramos, ou seja, a luz solar. É o relógio interno do nosso cérebro que determina quando chegou o momento de nos levantarmos da cama, de tomar o pequeno-almoço, etc. O problema acontece quando o nosso relógio biológico se desajusta. Será que é possível carregar num botão de reset, e simplesmente reiniciá-lo? Segundo os especialistas da Universidade de Quioto, a resposta é sim. É mesmo possível fazer isso.

 

A cura do jet lag

Os investigadores da Universidade de Quioto demonstraram que é possível mudar o relógio biológico para uma nova zona horária em apenas um dia. Esta é indubitavelmente uma grande notícia, não só para as pessoas que têm de trabalhar por turnos rotativos ou durante a noite, como também para quem sofre as consequências do jet lag.

Segundo estes cientistas, existe um relógio mestre no nosso cérebro, que tem a seu cargo manter a sintonia com resto do corpo, enviando uma mensagem de quando é chegado o momento de dormir ou para nos levantarmos.

 

Como adaptar este relógio interno

Neste sentido, as alterações que ocorrem no nosso organismo são marcadas por diferentes padrões como a interrupção do sono ou a sensação de fome. Padrões que são determinados pelas horas de luz solar que estão em sintonia com o nosso relógio biológico interno. Ou seja, o nosso relógio interno utiliza a luz solar para não perder a noção do tempo.

No entanto, a descoberta dos investigadores de Quioto permite conseguir ter um relógio biológico mais flexível. A chave está num grupo de 10.000 células do cérebro, que estão encarregues de manter sob controlo o tempo. Desta forma, ao interferir nos receptores destas células cerebrais, é possível adaptar o relógio biológico.

Apesar de promissora, esta é uma descoberta que ainda está apenas a começar a ser investigada. Será que irá ainda ser possível controlar os problemas relacionados com o jet lag, trabalhos por turnos ou durante a noite? Seria uma excelente notícia para muitas pessoas…

loading...

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close