Crudivorismo – Vantagens e inconvenientes

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

crudivorismoJá ouvimos falar algumas vezes de crudivorismo, mas será que é apenas mais uma moda ou existe por trás uma filosofia de vida e uma forma melhor de nos alimentarmos?

O crudivorismo consiste em comer alimentos em estado natural, ou seja crus. É consumir alimentos que não contenham conservantes ou químicos adicionados, que não tenham sido cozinhados, fermentados, nem processados e principalmente que sejam alimentos de origem orgânica.

alimentos crus

Filosofia

Dentro do crudivorismo existem diferentes filosofias de vida. Assim, podemos encontrar dietas crudívoras, onde pode haver peixe, carne, produtos lácteos e ovos.

Há pessoas crudívoras que não consomem alimentos de origem láctea, mas também é possível fazer uma dieta crudívora, onde não existem alimentos de procedência animal.

frutos secos

Ideias principais do crudivorismo

  • Consumir alimentos cozinhados aumenta a acidez do organismo.
  • O consumo de alimentos orgânicos reduz a toxicidade no corpo.
  • Os alimentos crus têm uma carga microbiana superior, que é benéfica para a flora intestinal.
  • Os alimentos crus conservam enzimas que são importantes para a digestão. Destruir as enzimas digestivas intoxica o organismo, desequilibrando o metabolismo.
  • Comer alimentos crus ajuda o sistema imunitário.
  • Os alimentos crus têm mais valor nutricional.
  • Muitos alimentos crus são mais ricos em antioxidantes.

hidratar o corpo

Conceito

O crudivorismo vai para além do planeamento tradicional de agrupar os alimentos em hidratos de carbono, proteínas, gorduras ou calorias.

Trata-se de consumir alimentos da época sem toxinas para equilibrar o nosso estado energético, favorecendo os órgãos e conseguindo uma melhor saúde.

Existem tendências crudívoras que classificam os alimentos segundo as cores e a ingestão consoante o momento do dia. Existem sete grupos de cores, segundo os centros energéticos, que podem ser combinados nas várias refeições do dia.

O crudivorismo também representa uma poupança de tempo na preparação dos alimentos, chegando a um conceito ecológico integral, pelo facto de eliminar muitos processos na preparação de uma refeição crudívora. Poupa-se ainda na energia necessária para cozinhar os alimentos (electricidade ou gás).

alimentos para memória

É essencial uma boa informação

Se pretende adaptar uma alimentação crudívora e como filosofia de vida, então deve ter em conta o seguinte:

  • Informe-se adequadamente para se alimentar de acordo com as suas necessidades específicas.
  • Se quiser aderir realmente ao crudivorismo, então faça-o por decisão sua, uma vez que é essa a base para poder integrar esta prática no seu dia-a-dia de uma forma mais fácil.
  • Lembre-se que vai precisar de algum tempo para se adaptar. É provável que inicialmente possa sentir um mal-estar generalizado. Não o faça com brusquidão, respeite os tempos e respeite-se a si mesmo/a.
  • Deve compreender o equilíbrio dos alimentos para que o crudivorismo seja uma alternativa real e não se canse com o passar do tempo.
  • Desfrute da comida, pois caso contrário irá sentir que foi tudo em vão.
  • Se decidir avançar, então experimente, teste e aprenda. Todos somos diferentes e o que faz bem aos outros pode não fazer a si.
  • Não dramatize, pense no que quer realmente para si.

dieta paleolítica

Alimentos principais

Os alimentos mais utilizados são as frutas, verduras, sementes e frutos secos; alimentos da época e biológicos, como já referimos anteriormente.

Também é possível incorporar a carne na forma de carpaccio, o peixe cru como sashimi, os ovos, e produtos lácteos não pasteurizados (queijo fresco, iogurte ou leite fresco).

Para comer mais facilmente os alimentos, estes podem ser macerados, marinados, triturados ou desidratados.

Há pessoas que são crudívoras integralmente, Mas há também muitas pessoas que combinam o crudivorismo com outros tipos de alimentação. Pode-se considerar como sendo crudívora uma pessoa que siga esta alimentação em mais de 50% do que ingere habitualmente.

perder gordura abdominal

Para terminar

Como é habitual, quando existe um planeamento da alimentação ou filosofia de vida, existem sempre detractores.

Diz-se que o crudivorismo ou seguir uma alimentação crua pode fazer com que a pessoa tenha menos energia. No entanto, se isso acontecer, provavelmente é porque não houve uma alimentação equilibrada.

Fala-se também que quando nos acostumamos aos alimentos crus e orgânicos, que o sistema imunitário não estará preparado para nos defender. Mas isso é provavelmente mais palavreado do que outra coisa, pois uma alimentação crudívora faz mais bem do que mal.

A nossa mensagem final é dizer-lhe que o mais importante é sua decisão, responsabilidade e consciência quando fizer pretender mudar a sua dieta habitual. Só assim poderá beneficiar realmente das vantagens do crudivorismo.

loading...

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...