cores dos alimentos

O que significam as cores dos alimentos?

cores dos alimentosAfinal o que significam as cores dos alimentos? Certamente que já terá ouvido dizer muitas vezes que devemos consumir alimentos de diversas cores. Sabe porquê? Neste artigo vamos conhecer os nutrientes e vitaminas que tem cada cor e como beneficiam a nossa saúde.

 

Tabela de Conteúdos

Alimentos de cor branca

cor dos alimentosOs vegetais devem  a sua cor branca ao conteúdo de polifenóis. Estes, por sua vez, têm propriedades antioxidantes chamadas antoxantinas, que podem ajudar a reduzir o risco de vir a ter doenças cardíacas, acidentes vasculares cerebrais (AVC) e cancro. Também se verificou que melhoram o sistema imunitário e combatem inflamações e infecções.

Estes benefícios devem-se (entre outras coisas) à presença de substâncias como a flavina, também responsável pela sua cor esbranquiçada. O alho, por exemplo, contém alicina que pode ajudar a reduzir o risco de ter hipertensão, colesterol elevado, cancro e doenças cardíacas. Estes alimentos também são compostos de vitaminas C, B2, B3 e B9, para além de minerais como potássio, magnésio e fósforo.

Frutas e vegetais de cor branca: alho, cebola, cogumelos, couve-flor, feijão branco, batatas, etc.

 

Alimentos de cor violeta/roxos

alimentos de cor roxaA cor violeta, roxa ou azulada é devida à presença de um pigmento chamado antocianina, um excelente antioxidante que, segundo alguns estudos, neutraliza vários elementos que causam cancro. A antocianina dilata os vasos sanguíneos, o que pode ser bastante positivo para diminuir o risco de aparecimento de acidentes vasculares cerebrais (AVC), para além de estimular o cérebro.

Os alimentos desta cor também possuem proantocianidinas e antocianidinas, as quais são conhecidas como superantioxidantes, pois são 50 vezes mais activas do que a vitamina E, e 20 vezes mais do que a vitamina C, sendo bastante eficazes na prevenção do envelhecimento celular.

As frutas de cor azul/roxa são ricas em bioflavonóides que protegem o coração e inibem o colesterol mau (LDL).

Juntamente com os pigmentos antioxidantes, o ácido quinico actua como preventivo das infecções urinárias. Contêm também resveratrol, uma substância presente sobretudo na pele das uvas negras e vermelhas, tendo uma acção antifúngica (impede o crescimento de fungos) e antioxidante. Investigações recentes  colocaram em evidência que têm ainda uma acção anticancerígena e anti-envelhecimento.

Frutas e vegetais de cor violeta/roxa: amoras, uvas negras, figos, ameixas, beterraba, cenoura roxa, repolho roxo, cebola roxa, beringela, etc.

 

Alimentos amarelos e laranjas

Os pigmentos que dão a cor amarela ou alaranjada a estas frutas e vegetais são os carotenóides. Estes ajudam a melhorar e reforçar a função do sistema imunitário e a reduzir o risco de ter doenças cardíacas, cancro e problemas de visão. O betacaroteno é um carotenóide que utiliza o organismo para criar a vitamina A. As frutas e vegetais destas cores também contêm vitamina C, ácido fólico e minerais como o potássio.

Frutas e vegetais amarelos e laranjasananás, maçã, kiwi amarelo, lima, melão, manga, papaia, nectarina, cenoura, abóbora, pimento amarelo, milho, etc.

4

Sem comentários

Escrever um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este artigo foi útil?

Então subscreva a nossa newsletter para receber novos artigos comodamente no seu email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os seus dados estão seguros connosco. Veja a nossa Política de Privacidade.