Conselhos para um coração mais saudável

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

coração mais saudávelConselhos para um coração mais saudável. Proteger o coração ajuda não só a reduzir os riscos de vir a padecer de determinadas patologias cardíacas, como ainda nos torna menos vulneráveis de vir a sofrer de outras doenças crónicas, como por exemplo, o cancro.

Prevenir é investir em saúde e seguir bons hábitos de vida está apenas nas nossas mãos. É importante ter em conta que nunca é tarde para começar a cuidar do coração. Manter-nos fisicamente activos, manter um peso saudável, seguir uma dieta saudável variada e equilibrada, manter controlados os níveis de colesterol, cuidar da tensão arterial e evitar a hipertensão, controlar os níveis de açúcar no sangue e evitar o consumo de tabaco são os principais conselhos para a protecção do coração.

 

Exercício físico para um coração mais saudável

O exercício físico traduz-se numa diminuição dos riscos de patologias cardiovasculares. Quando se faz exercício físico regularmente, o sistema cardíaco e respiratório melhora, previnem-se problemas de excesso de peso, evitam-se problemas de hipertensão, hipercolesterolemia e diabetes.

 

Alimentação

Naturalmente que a alimentação tem um papel importantíssimo na nossa saúde. Uma dieta saudável e equilibrada reduz os problemas cardíacos, evita o colesterol alto, a hipertensão e o excesso de peso. Desta forma, é importante reduzir o consumo de sal na dieta e a ingestão de bebidas alcoólicas e apostar numa dieta mais rica em frutas, verduras, cereais e peixe.

 

Tabaco

Um dos principais factores de risco é o tabaco. Fumar é prejudicial para a saúde em geral, mas especialmente para o sistema cardiovascular, já que aumenta o risco de acidentes vasculares cerebrais (AVC’s).

 

Excesso de peso

Os problemas de excesso de peso são outro factor de risco das patologias cardíacas, pois obrigam o coração a trabalhar mais do que o normal. Para além disso, a obesidade torna-nos mais vulneráveis a outros problemas de saúde como a diabetes ou problemas de articulações.

Deixe o seu comentário


Este artigo foi útil?

Então subscreva a nossa newsletter para receber novos artigos comodamente no seu email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os seus dados estão seguros connosco. Veja a nossa Política de Privacidade.

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close