Conheça o segredo do suco de cerejas

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

suco de cerejasAs cerejas são consideradas um anti-inflamatório natural, graças ao seu conteúdo em antocianinas, que são flavonóides que lhes dão aquela cor intensa e característica.

No entanto, a fruta, ou mais especificamente o seu suco tem outros benefícios, pois segundo uma investigação recente, descobriu-se que beber suco de cereja antes e depois de se fazer exercício físico pode diminuir as dores e os danos musculares.

Neste estudo participaram 14 voluntários, a quem foi pedido que bebessem o suco fresco combinado com outro suco comercial de maçã. Para fazer o controlo dos resultados, foi pedido a outro grupo que bebessem uma mistura falsa sem o suco de cereja. A bebida com suco de cereja tinha o equivalente entre 50 a 60 cerejas.

No início do estudo os estudantes foram submetidos a provas intensas de exercícios, onde se incluíam testes de força de braços, dor muscular, tensão muscular e flexibilidade. De seguida, os investigadores convidaram os estudantes a beber durante oito dias, uma garrafa de manhã e outra à noite da bebida que lhes tinha sido designada.

O grau de dor foi pouco diferenciado nos dois grupos, mas foi menor nos que beberam o suco com cerejas.

Em resumo, houve uma diferença significativa na perda de força muscular entre aqueles que bebiam a mistura com suco de cereja e aqueles cuja bebida não continha esta fruta. A pontuação em força muscular caiu 22 % nos que beberam a mistura sem cerejas, mas caiu apenas 4 % nos que tomaram a bebida com suco de cerejas.

Neste sentido, os especialistas em medicina desportiva aconselham a ingestão diária desta bebida para prevenir e combater a dor física. Finalmente, é importante também mencionar que o seu alto conteúdo em água e potássio transformam esta fruta num diurético, o qual é benéfico em caso de hiperuricemia ou cálculos renais, hipertensão arterial ou outras doenças associadas à retenção de líquidos.

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este artigo foi útil?

Então subscreva a nossa newsletter para receber novos artigos comodamente no seu email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...

Os seus dados estão seguros connosco. Veja a nossa Política de Privacidade.