Como saber se um sinal é maligno ou cancerígeno?

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

sinais na peleA resposta definitiva a esta pergunta é dada pelo dermatologista porque não há ninguém mais competente do que um especialista para determinar a gravidade de uma lesão na pele.

No entanto, são muitas as vezes que nos preocupamos demasiado por algo que na realidade não tem assim tanta importância. Os sinais na pele, por exemplo, são uma verdadeira obsessão para muitas pessoas. Apesar disso, por trás de alguns sinais suspeitos pode haver um problema sério de saúde. Tem algum sinal na pele que o preocupe? Não se alarme e tome nota de alguns pormenores que lhe poderão ajudar a determinar se se trata de um sinal maligno ou cancerígeno.

 

O ABCDE dos sinais na pele

Os dermatologistas utilizam o ABCDE dos sinais para determinar se é ou não maligno. Ou seja: assimetria, bordos, cor, diâmetro e evolução.

 

Assimetria

Os sinais benignos crescem em círculo e para o exterior da pele. Enquanto os cancerígenos crescem de forma desigual e assimétrica, ou seja, uma parte cresce mais do que outra.

 

Bordos

Outro aspecto importante é a margem do sinal. Se o sinal tem uma margem bem definida, não tem que se preocupar. Os sinais malignos costumam ter margens salientes e irregulares, que fazem com que seja difícil determinar onde começa e termina o sinal.

 

Cor

Olhe bem para a cor. Os sinais benignos têm a mesmo cor, que pode ter varias tonalidades. Mas os sinais cancerígenos têm cores diferentes como por exemplo negro, castanho, por vezes branco ou mesmo um tom avermelhado.

 

Diâmetro

O diâmetro também é importante. Os sinais pequenos com 2 a 3 milímetros costumam ser benignos. Por outro lado, a partir dos 6 milímetros, convém vigiar atentamente o sinal.

 

Evolução

O último critério utilizado pelos dermatologistas é a evolução do sinal. Os sinais benignos costumam crescer lentamente, e quando se atinge a idade adulta permanecem na mesma. Mas os sinais malignos, em contrapartida, crescem com muita rapidez.

 

Analise bem todos estes critérios e perante a menor duvida consulte imediatamente o seu médico.

E se estes conselhos foram úteis para si, partilhe o artigo para ajudar também outras pessoas. A prevenção é fundamental para a saúde.

loading...

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...