Caminhar, bicicleta e natação ajudam a baixar o colesterol

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

colesterolO colesterol é necessário para o nosso corpo. Mas também é perigoso, não só por se tratar de uma gordura que circula no sangue e que vai assentando gradualmente nas paredes das artérias, mas também pelo facto de podermos ter um aumento excessivo do mesmo.

Prevenir ou reduzir o colesterol alto (hipercolesterolemia) nem sempre é fácil, pois as causas deste aumento podem estar relacionadas com vários factores, como por exemplo a toma de medicamentos ou um estilo de vida pouco saudável, para além de também poder ser uma questão genética.

Neste artigo vamos concentrar-nos na actividade física como forma de reduzir ou prevenir o aumento de colesterol, uma vez que o desporto pode ser uma grande ajuda para equilibrar os níveis de colesterol (bom e mau).

Vamos ver mais concretamente três tipos de exercício: caminhar, pedalar e nadar.

Recordemos que este é composto por colesterol LDL, ou colesterol mau, e o colesterol HDL, ou colesterol bom, e que a soma de ambos se chama “colesterol total”.

O objectivo é conseguir ter uns níveis ideais de colesterol total no sangue entre 1,8 e 2,0 g/l.

Assim, o HDL deve ser maior que 0,35 g/l e o LDL não superar os 1,6 g/l, segundo os especialistas.

E, para poder estar nestes valores saudáveis, então podemos (e devemos) ter alguma actividade física.

A razão é simples. A actividade física, sem qualquer que seja o tipo de exercício físico, reduz o colesterol mau, mas para além disso, é benéfico para aumentar o colesterol bom.

No entanto, a eficácia consegue-se com constância e com sessões suficientemente longas e intensas. Mas naturalmente que qualquer exercício físico deve ser feito em função das nossas possibilidades.

 

Caminhar e correr

Para além do running, caminhar rápido é um dos desportos mais recomendados. Trata-se basicamente de levar bom calçado e roupa cómoda e de ir aumentando o tempo de exercício.

Fazer isto três vezes por semana em sessões de uns 45 minutos é um tempo e a frequência que já nos pode ajudar a conseguir resultados.

No entanto, é preciso também respeitar a forma física de cada um, e começar a correr sem aumentar a velocidade para além dos 8 kms/hora.

baixar o colesterol

Fazer natação

A natação é praticada quase só durante as férias, quando temos acesso à praia, rio, lago ou piscina aberta, o que não é uma opção se queremos ser constantes.

No caso de praticarmos natação durante o ano inteiro, devemos fazê-lo entre duas a três vezes por semana, idealmente em sessões progressivamente mais longas, mas sempre sem nos excedermos.

Se nadar no mar ou em lagos e rios, então é importante ter alguma prudência, sobretudo quando estiver a começar. De uma forma geral, devemos ter algum cuidado sempre que entramos pelo mar porque depois vamos também ter que voltar, pelo que não nos devemos afastar muito da margem.

Há que ter também cuidado com as correntes e com as indicações dos socorristas (se os houver), assim como prestar atenção às cores das bandeiras.

Por último, se nadarmos num lugar onde temos pé, irá ser mais fácil no caso de haver qualquer problema.

 

Andar de bicicleta

Pedalar duas ou três vezes por semana durante uma sessão com o mínimo de meia hora também é uma opção interessante para manter o colesterol controlado.

De novo, não se recomendam os excessos. Neste caso temos a vantagem da bicicleta ser uma excelente ferramenta para darmos passeios tranquilos e que nos ajudam a ficar em forma, sem fazermos esforços desnecessários e que podem ser prejudiciais à nossa saúde.

 

Em suma, caminhar, correr, nadar ou andar de bicicleta são exercícios fáceis de combinar ao longo do ano, e que até se podem fazer de forma complementar. Devemos ainda complementar o exercício com um estilo de vida saudável em outros âmbitos, como a dieta ou o bem-estar emocional, fugindo do estresse.

Recordemos que antes de iniciar ou reiniciar uma actividade física, devemos fazer um check-in para que os especialistas nos aconselhem sobre a forma correcta de praticar, como qual o tipo de desporto que melhor se adapte às nossas necessidades. Ou, em alguns casos, fazê-lo de forma muito suave ou mesmo abster-se.

loading...

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...