Como fazer dieta sem morrer a tentar

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

como fazer dieta

Com a grande quantidade de dietas fabulosas que inundam os meios de comunicação e as redes sociais, torna-se fácil cair na tentação de fazer alguma delas para tentar obter esses resultados imediatos que constantemente nos vendem através de imagens com transformações incríveis, frases inspiradoras e imensos testemunhos. O principal problema está no facto destas dietas serem muito limitadas e restritivas, pelo que a ansiedade acaba quase por enlouquecer quem as faz.

Quantas vezes já começou uma dieta e desistiu no meio? Se responder “muitas” ou “quase sempre” a essa pergunta, fique sabendo que com simples mudanças de atitude é possível reverter essa situação e tornar a dieta algo agradável e estimulante.

Quando alguém decide começar uma dieta, a ideia normalmente parece algo promissor e estimulante nos primeiros dias. Mas e dependendo da maneira como esse desafio é encarado, a decisão dá lugar a um verdadeiro pesadelo, em que a única saída visível é mesmo desistir.

Quando estiver mentalmente preparado/a para fazer mudanças no seu estilo de vida e começar a fazer uma alimentação equilibrada, é essencial criar um ponto de equilíbrio na sua dieta, evitando que se abuse de certos alimentos.

Tudo o que é em demais faz mal. A abstinência então nem se fala…

Deixar de comer certos alimentos cria um desequilíbrio no organismo, e consequentemente gera demasiada ansiedade.

Para contrariar a ansiedade de que pode estar a ser vítima, experimente fazer uma vez por semana uma refeição onde não restrinja os alimentos que gosta de comer, nem que seja comida rápida. É muito provável que já tenha ouvido falar nisso. Basicamente trata-se de comer uma vez por semana aquele prato favorito de que gosta imenso, mas que agora devido à dieta não pode comer com tanta frequência. A finalidade de romper com o regime alimentar uma vez por semana é para que não se entregue às consequências da ansiedade, e não acabe por deitar para o lixo todos os progressos obtidos até ao momento.

É importante que procure a qualidade e não a quantidade. Escolha uma dieta equilibrada e evite os excessos. Deve escolher alimentos nutritivos e que tenham um efeito positivo no seu organismo. Por exemplo, é muito melhor optar por um frango grelhado do que comer frango frito.

Lembre-se sempre que o sabor passa mas a gordura fica.

loading...

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo correu mal...