Aprenda a diferenciar os hidratos de carbono bons dos maus

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

hidratos de carbonoÉ muito fácil ouvir por aí que para queimar gordura e perder peso é preciso deixar de consumir hidratos de carbono.

Vamos hoje desmentir esse mito. É totalmente falso e vamos explicar porquê. A gordura que se acumula no corpo não é consequência do consumo de alimentos gordos. Deve-se à quantidade de hidratos de carbono de rápida absorção que não estão a ser usados, ou seja, si comer estes hidratos de carbono e não os usar como energia na sua rotina de treino ou nas suas actividades físicas diárias, eles irão transformar-se em glicose, a qual vai para a corrente sanguínea e acaba por ficar armazenada como gordura no corpo e nos lugares menos desejados.

 

Diferenças entre os hidratos de carbono

Primeiro há que entender que não existe um único conceito de hidratos de carbono, e que nem todos os alimentos ricos em hidratos de carbono são maus. O que determina quais são maus para a saúde e quais é que não, é o índice glicémico ou a quantidade de glicose que libertam.

Os hidratos de carbono simples são rapidamente absorvidos e digeridos pelo organismo e, por esse motivo, dão pouca saciedade. Dentro deste grupo de hidratos de carbono, os alimentos refinados (açúcar) são a pior opção, uma vez que fornecem as chamadas “calorias vazias”, pois apresentam falta de vitaminas, minerais e fibras. O açúcar, os bolos e os refrigerantes constituem alguns exemplos de hidratos de carbono simples. Muitos alimentos que contêm grandes quantidades de açúcar, como por exemplo as bananas, sumos, bolachas e bolos ou até mesmo o pão podem estar neste grupo dos hidratos de carbono simples.

Os hidratos de carbono complexos são a opção mais saudável. São absorvidos e digeridos lentamente pelo organismo, fazendo-nos sentir saciados mais rapidamente. Os cereais, a batata, o arroz, a massa e as leguminosas secas (feijão, grão, lentilhas) são fontes de hidratos de carbono complexos. Eles oferecem grande quantidade de fibra e prolongam a saciedade do organismo.

 

Alimentos light

Há um segredo que este tipo de alimentos mantém muito bem escondido. É preciso compreender que apesar deste tipo de alimentos ter poucas gorduras, de uma forma geral têm grandes quantidades de sódio, açúcar e hidratos de carbono que ajudam também a aumentar a gordura armazenada e que o corpo não precisa.

As frutas e as barras energéticas apesar de serem hidratos de carbono simples devem ser consumidas antes dos treinos já que fornecem energia que se irá queimar com um bom treino.

Não deixe de consumir hidratos de carbono pois são essenciais para o correcto funcionamento do organismo, mas é preciso aprender a diferenciá-los e saber quais se podem comer e qual a melhor altura para o fazer.

loading...

Deixe o seu comentário


SUBSCREVER GRÁTIS

Subscreva a nossa lista de email e receba novos artigos e actualizações comodamente na sua caixa de email.