5 Sementes para perder peso e dar saúde

Detectámos que tem um Ad Blocker ativo.

As receitas provenientes da publicidade permitem-nos continuar a produzir artigos de qualidade. Considere desligar o Ad Blocker neste site. Obrigado pelo seu apoio.

É cada vez mais evidente que ingerir a quantidade adequada de fibra na dieta do dia-a-dia é um factor importante na manutenção de uma boa saúde. As fibras ajudam a mover as coisas mais rapidamente através do tracto digestivo e a sua eliminação.

Seguir uma dieta com um alto conteúdo em fibras também pode proporcionar uma certa protecção contra a diabetes, as doenças do coração e contra os níveis altos de colesterol. Os nutrientes com fibra dietética também são uma fonte de energia para as bactérias benéficas que residem dentro do nosso organismo.

Por todas essas razões vamos hoje apresentar 5 sementes que deveria começar a incluir na sua alimentação:

sementes de chia

Sementes de Chia

As sementes de chia contêm uma alta percentagem de fibra (30%), solúvel e insolúvel. A chia é um bom remédio natural contra os problemas circulatórios, uma vez que contém uma alta percentagem de ácidos ómega 3 e ácidos ómega 6. Estes ácidos gordos ajudam a reduzir o colesterol mau e os triglicéridos, para além de ajudarem a aumentar os níveis do colesterol bom ou HDL.

Para beneficiar das suas propriedades adelgaçantes pode ingerir uma colher de sementes de chia moídas. Pode também incluir as sementes de chia em batidos, iogurtes, gelatinas ou em quaisquer outros preparados alimentares.

sementes de linhaça

Sementes de Linhaça

As sementes de linhaça possuem grandes quantidades de fibra dietética que são a fonte vegetal mais rica que se conhece de ácidos gordos ómega 3, e a fonte mais rica de estrogénios fracos, o que as transforma num superalimento.

A sua quantidade de fibra é superior a qualquer outro cereal e por essa razão aconselha-se nas dietas de redução de peso, para reduzir o colesterol e na prevenção da prisão de ventre. O ómega 3 que possui na sua composição supera o do peixe e de qualquer vegetal ou cereal.

Estas sementes estão ao alcance qualquer pessoas. Basta adiciona as sementes de linhaça moídas aos alimentos.

sementes de mostarda

Sementes de Mostarda

Estas sementes são uma excelente fonte de ómega-3, assim como de cálcio, fibra, ferro, magnésio, niacina, fósforo, proteínas, selénio e zinco. Pelas suas propriedades, estimulam a produção de sucos gástricos que ajudam a reduzir os problemas digestivos.

sementes de sésamo

Sementes de Sésamo

As sementes de sésamo possuem uma elevada percentagem em cálcio (10 vezes maior do que o leite), são ricas em ácidos gordos polinsaturados (ómega 6), zinco e têm ainda grandes quantidades de minerais.

Porque tem grandes quantidades de cálcio, ajudam a reduzir o colesterol e as calorias, o que as torna ideais para incluir nas dietas para perder peso. Para além de tudo isto, podem ser usadas como revitalizadoras e em tratamentos contra a flacidez.

sementes de girassol

Sementes de Girassol

O seu alto conteúdo em ácidos oleico, linoleico, palmítico, esteárico, araquídico e lecitina, permite reduzir a síntese do colesterol mau e total a nível hepático. Estes mesmos ácidos gordos aumentam a síntese de colesterol bom ou HDL.

A fibra que contém ajuda a reduzir a absorção intestinal de colesterol proveniente dos alimentos. No entanto, não se deve ingerir mais do que um punhado de sementes de girassol porque tem uma grande concentração calórica.

Imagens @Health GaugeHealthAliciousNessJessica SpenglerQuinn Dombrowski e Nathan Gibbs

Deixe o seu comentário